Politica - 17/11/2018 - 05:52:19

 

Gleisi Hoffmann, em "ato falho", entrega quem é proprietário do sítio de Atibaia

Gleisi Hoffmann, em "ato falho", entrega quem é proprietário do sítio de Atibaia

 

Da Redação com agências

Foto(s): Divulgação / Arquivo

 


A grande discussão em torno do fato se o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva é, ou não, o proprietário do sítio Santa Bárbara em Atibaia, no interior do Estado de São Paulo, é desnecessária para o veredito no processo que investiga a execução de obras naquela propriedade com dinheiro proveniente de propina de contratos com a Petrobras. Isto ficou claro com as declarações em juízo de Léo Pinheiro, quem financiou a orba, e de outras testemunhas que trabalharam na obra.

O mais importante, entretanto, é saber se Lula foi o "beneficiário" de tais obras. Se a tal propina, oriunda de contratos com a Petrobras, era dirigida ao ex-presidente petista.

"Quanto a isso não parece haver nenhuma dúvida. O meliante petista fatalmente vai amargar mais uma condenação", disse um especialista em direito penal.

Contudo, o “ato falho” praticado pela presidente do PT, Gelisi Hoffmann, é cruel. Esta semana, a senadora foi traída pela própria língua.

Tentando explicar o inexplicável, na tribuna do senado, "admitiu" ser o sítio do ex-presidente.

Notem como ela "escorrega" e entrega quem é o verdadeiro proprietário do sítio de Atibaia no vídeo no final da matéria.

;

Esta semana, a senadora foi traída pela própria língua durante discurso na tribuna do Senado.

Esta semana, a senadora foi traída pela própria língua durante discurso na tribuna do Senado.

Turismo SBC


Últimas Notícias




Governo federal lança carteira estudantil digital


CAOA acerta compra da fábrica da Ford para produzir Changan


Morando e Doria conquistam investimento de R$ 2,4 bilhões com a Volkswagen


Projeto de Lei sobre abuso de autoridade é aprovado na Câmara e segue para sanção


Câmara aprova mudanças em regras de pensão e para mulheres


Lula, Palocci e Paulo Bernardo viram réus por promessa de corrupção